Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio,

O Alto Taquari

Jornal da Semana
Meio Ambiente

Município e Univates trabalham na restauração ecológica de área degradada

, 11 de março de 2022 às 9h26

A Administração de Travesseiro, em parceria com a Universidade do Vale do Taquari – Univates, está trabalhando na restauração ecológica de uma área degradada nas margens do Rio Forqueta, na localidade de São João.

O estudo foi realizado pelo engenheiro ambiental, Cleberton Bianchini, que aplicou a pesquisa da área e a melhor forma de realizar a recuperação. Os trabalhos estão sendo realizados pelos profissionais da Univates, vinculados ao Programa de Pós-graduação em Sistemas Ambientais Sustentáveis. “Nosso projeto conta ainda com a participação de dois alunos do mestrado e também dos alunos do curso de graduação em biologia”, explica.

O município de Travesseiro, que é parceiro do projeto, realizou o serviço de preparar a base de cascalho para a sustentação da encosta que receberá as mudas. De acordo com o prefeito Gilmar Southier, a atividade é uma ação conjunta do Departamento de Meio Ambiente e da Secretaria de Obras, que tem por objetivo colaborar com o projeto da Univates e dos profissionais envolvidos.

No local estão sendo plantadas espécies que foram identificadas em uma pesquisa promovida pela Univates, sendo que algumas das plantas são criadas em estufas e outras são adquiridas em viveiros.

Segundo a professora, doutora em Botânica, Elisete Maria de Freitas, todas as espécies são características das margens do Rio Taquari. “Buscamos aplicar a metodologia para que o espaço fique o mais próximo do que era antes da degradação”, explica.

O Programa de Restauração Ecológica é um projeto aprovado pela Secretaria Estadual de Meio Ambiente (SEMA- RS) e está sendo financiado pela CEEE Energia.

Por daiane