Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio,

O Alto Taquari

Jornal da Semana
Resenha do Solano

A árvore de natal da Neugebauer

, 7 de outubro de 2021 às 16h51

No dia 1º de setembro, quando José Elton Lorscheiter (PP), o Pantera, propôs a construção da árvore de Natal mais alta do RS em Arroio do Meio, o clima natalino me contagiou tanto, que fiquei dias rindo à toa, não querendo acreditar num possível ‘Conto de Natal’.

Na sessão ordinária da noite de quarta-feira, dia 06, na Semana da Criança, os vereadores debateram várias propostas para melhorar a infraestrutura já existente na Rua de Eventos, Área de Lazer Pérola do Vale e Balneário Recreio Municipal, entre outros atrativos (mais detalhes páginas 16 e 17).

Ao fim, Pantera revelou que, em contato com uma empresa especializada em árvores natalinas de SP, infelizmente faltará tempo hábil para construção de uma árvore de Natal maior. Mas que, em 2021, serão, pelo menos, 15m de altura na Praça Flores da Cunha. O projeto será patrocinado pela Neugebauer a um custo de R$ 79,5 mil. A estrutura permitirá ampliação para até 43m.

Na minha opinião, esse é o caminho. Não podemos nos comparar com a Serra Gaúcha, Campos do Jordão ou Nova Iorque. Considerando o perfil do público que circula pela região, são as iniciativas ‘simples’ que vão dar certo.

OPOSIÇÃO LEVIANA? – No decorrer da semana, o chefe de equipes da secretária de Obras, Cristian Perin – presidente do PDT – foi exonerado do CC4, onde recebia a remuneração de R$ 3.653 na folha, sendo R$ 3.180 líquidos, e foi promovido para o CC5, onde receberá R$ 4.633 na folha , destes R$ 3.882 líquidos. Ele explica que, na gestão pública, toda exoneração motiva o pagamento de férias proporcionais, 1/3 de férias e 13º salários, o que levou os vencimentos de setembro a serem superiores a R$ 10 mil no portal da transparência. O assunto chamou atenção de alguns oposicionistas e foi compartilhado nas redes sociais com o slogan usado pelo presidente do PDT “Apoiando o Comércio Local/Bem bão”, em uma imagem dele com o prefeito Danilo José Bruxel. “Ninguém chuta em cachorro morto”, analisou Perin.

Eu já havia me manifestado outra vez, que 2024 exigirá estratégias mais inteligentes do que uma desqualificação e guerra psicológica barata, porque o “tempo é o senhor da razão”. E mesmo se tivesse corrupção, muita gente acha isso bonito e ia acabar se aproximando dos corruptos para churrascos ou outras vantagens – estamos no Brasil, é delicado discernir o que é corrupção. Fofoca por fofoca, sem sustentação, gera efeito contrário.

Eu mesmo tive a experiência de ter minha vida pessoal e profissional especuladas por situacionistas e oposicionistas, e por pessoas da imprensa. Não tenho amarra com ninguém e me divirto com isso. Nunca faltei um dia de trabalho e estou na lida desde moleque.

TRANSPARÊNCIA NA BRITA – O preço abaixo da prática de mercado do metro cubico da brita um pouco acima dos R$ 42 na licitação feita pela prefeitura de Arroio do Meio chamou atenção de quem acompanha estas cotações. Algumas pessoas ligadas ao setor de britagem questionaram quais os mecanismos para a secretaria de Obras aferir a quantidade do material entregue. O secretário de Obras Darci Hergessel explicou que toda a brita comprada pela prefeitura é recebida e descarregada no depósito do Parque de Máquinas e, depois, redistribuída pelos próprios caminhões da prefeitura. O que permite a medição em suspeitas de irregularidades, ou de forma espontânea. “Nada é descarregado sem minha assinatura”, garantiu. O que existe, segundo Hergessel, é uma confusão por parte de pessoas que não sabem interpretar a atuação de mercado das empresas de britagem. “Elas podem atender a iniciativa privada e obras públicas executadas por empreiteiras, o que não tem anda a ver com a licitação feita com a secretaria de Obras”, explicou.

Por daiane