Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio,

O Alto Taquari - Cotidiano

Jornal da Semana
Cotidiano

Pandemia não esmorece dom do mágico Mister L

, 29 de janeiro de 2021 às 9h45

A crise provocada pelo coronavírus impactou profundamente alguns setores. Entre eles estão os artistas e profissionais do entretenimento que precisam da plateia para acontecer. O arroio-meense Lanuin Fritzen, que nas horas vagas incorpora o mágico Mister L também está há quase um ano sem fazer shows e aguardando a volta das atividades para apresentar, além do vasto repertório, mágicas inéditas que ainda não teve oportunidade de mostrar.

Para manter acesa a chama, o Mister L cultiva as boas lembranças e os momentos de interação vividos, principalmente junto ao público infantil e da terceira idade, além de ensaiar novos números. “Estou com saudade de voltar ao palco e retomar a energia e pulsação do momento, a expectativa, o brilho do olho, o sorriso, a inocência e a sinceridade da reação da criança e de idosos no momento em que a ‘mágica’ acontece bem diante dos olhos”.

Neste período a tecnologia tornou-se aliada em áreas como a educação e o entretenimento fazendo a ponte para que a roda continuasse a girar e muitas coisas não se perdessem. “Como o meu combustível é a empatia e a integração com o público e os meus shows são cheios de calor humano, optei por dar um tempo e esperar a retomada de apresentações presenciais para voltar a sentir essa energia fantástica que não tem preço. E estou numa expectativa que este reencontro entre mágico, crianças e público em geral, seja de uma energia muito positiva”.

No próximo dia 31 de janeiro comemoramos o Dia do Mágico e o Mister L, que se renova a cada espetáculo, espera poder, logo logo, voltar a ter essa interação com o público.

Por Alan Dick