Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio,

O Alto Taquari - Cotidiano

Jornal da Semana
Saúde

Aparelho ortodôntico infantil e a importância para as crianças

, 8 de maio de 2020 às 9h55

A ortodontia infantil é muito importante: ela antecipa o tratamento dentário de uma criança. Seja com aparelho ortodôntico fixo ou móvel, quanto mais cedo procurar um dentista, melhores serão as chances de recuperação para uma arcada dentária estável e saudável, explicam os profissionais da Clínica Saúde.

Há certo debate quanto à idade mais apropriada para levar uma criança ao dentista. Afinal, existe a perda dos dentes de leite e a evolução da arcada dentária até a puberdade. Mas isso não impede uma visita ao ortodontista, sobretudo entre o quinto e sexto ano de vida.

Na dentição mista

Quando a criança tem dentes de leite e permanentes, alguns sinais são preponderantes para procurar um profissional em ortodontia infantil. Inclusive, em alguns pacientes, é possível constatar certas irregularidades, mesmo só com os dentes de leite. Os pais ou responsáveis pela criança não devem ignorar esses sinais. O uso de aparelho dentário de forma mais precoce contribui com eficiência para o alinhamento dos dentes nesta fase de crescimento.

Sendo assim, em quase todos os casos, o problema será resolvido até o começo da vida adulta. Por isso, quanto mais cedo a procura por um dentista, melhores serão as chances de sucesso.

Por meio da ortodontia preventiva, crianças de seis anos já podem usar aparelhos, mesmo antes da queda de todos os dentes de leite. Esse tipo de tratamento contribui significativamente para a remoção de hábitos pouco saudáveis na formação e alinhamento dos dentes. Dentre o principal, destaca-se o uso excessivo da chupeta que, a longo prazo, pode influenciar diretamente no desalinhamento dentário.

Porém, o aparelho fixo não é a única opção para a correção dos dentes. De forma geral, o profissional em ortodontia infantil indica aparelhos ortopédicos (móveis), eficientes para a fase de desenvolvimento dos ossos da boca. Além do aparelho fixo e ortopédico, existe uma infinidade de métodos eficazes para correção do alinhamento.

Por isso mesmo, o ortodontista realiza uma investigação minuciosa na boca da criança, a fim de identificar o estágio de dentição decídua (de leite) ou mista. Com essa constatação, o dentista estará apto para indicar o melhor tipo de aparelho dentário para o pequeno paciente. O bem-estar das crianças também deve ser considerado, evitando tratamentos que causem desconforto.

Desirèe Louise de Brito Litteris – Odontopediatra

Por Alan Dick