Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio,

O Alto Taquari

Jornal da Semana
Política

Governador promete reiniciar asfalto da VRS 482

, 1 de novembro de 2012 às 8h50

Durante a visita realizada na última sexta-feira, o governador do Estado do Rio Grande do Sul garantiu, após ser cobrado de forma pública por lideres locais, reiniciar as obras de asfaltamento da VRS 482. Tarso Genro visitou o Vale do Taquari para firmar contratos de financiamento com duas cooperativas da região. No to¬tal, foram liberados R$ 37,5 milhões para impulsionar a produção e também para aquisição de maquinários.

Acompanhado dos secretários da Agricultura, Pecuária e Agronegócio (Seapa), Luiz Fernando Mainardi, e do Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR), Ivar Pavan, o governador recebeu documento assinado por 10 moradores de São Caetano, Dona Rita e Arroio Grande, localidades próximas da estrada. O prefeito Sidnei Eckert também assinou. No texto, a reivindicação pelo reinício da obra de asfaltamento de um trecho de 16,53 quilômetros da VRS 482, paralisada desde 1999.

Tarso Genro garantiu que existem recursos para realização da obra, e prometeu reiniciá-la dentro de seu governo. “Não garanto que vamos finalizar, mas certamente vamos reiniciar os trabalhos dentro da minha gestão.” A obra está orçada em aproximadamente R$ 16 milhões, que inclui, além do asfalto, a construção de pelo menos três novas pontes.

Segundo o governador, o asfaltamento da VRS 482 está no segundo lote de acessos asfálticos projetados para serem executadas até 2014. “Todas as ligações projetadas serão realizadas. Estamos enfrentando alguns problemas burocráticos e técnicos, com contratos mal feitos, falta de liberação ambiental. Mas não é problema de recurso.”

Ele afirma que o reinício das obras depende da revisão do contrato de licitação. “O primeiro passo será reformular este contrato.” Tarso Genro reafirma que existe dinheiro para finalizar a obra – interrompida no fim do governo de Antônio Britto em 1998, sob alegação de falta de recursos -, e que somente aguarda os processos burocráticos para dar reinício aos serviços. “Vamos fazer.”

Superintendente do Daer confirma reinício do asfaltamento em dezembro

Na tarde de terça-feira a comitiva pró-asfaltamento da VRS-482, rodovia que dá acesso à Capitão pelo Vale do Arroio Grande, Arroio do Meio, esteve na 11ª Superintendência do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), com sede em Lajeado, para uma reunião com o superintendente, Hildo Mourão.

O reinício da obra foi confirmado para dezembro deste ano. Embora existam pendências com o licenciamento ambiental e a readequação do projeto de execução – em detrimento do crescimento habitacional que mudou a realidade técnica da drenagem – a declaração animou os integrantes da comitiva. A obra já tem Licença Prévia, falta a Licença de Instalação. “Temos responsabilidade com custos e qualidade”, comenta Mourão.

Outro problema assinalado pelo superintendente, diz respeito à detentora do contrato, a Empresa Construtora Beter S/A de São Paulo. Como a empreiteira está em recuperação judicial, a execução da obra só será viável com a adição do trajeto da rodovia até Coqueiro Baixo. A direção da empresa considera inviável financeiramente realizar apenas parte do serviço.

No entanto, inexiste verba disponível para este trecho (terceiro lote). Para que a pavimentação seja iniciada até dezembro, Mourão afirma que a empresa precisa desistir para que a segunda colocada na licitação possa assumir por meio de uma revogação legal no contrato.

O processo de recuperação judicial, o qual a companhia responde, é decorrente de práticas contábeis irregulares em contratos celebrados entre 2007 e 2008. Além da VRS 482, a empresa possui outros dois contratos de pavimentação de rodovias firmados com o governo do estado.

Um dos integrantes da comitiva, Genésio Rockembach, morador de Arroio Grande, declara estar mais tranquilo. “A reunião foi muito produtiva. Agora sabemos exatamente a que pé está esta obra”, observa. Já o morador de Capitão, Valdir Dalmoro, salientou que a comunidade está cansada de promessas e vai cobrar resultados. A partir de agora, garante que a comitiva vai intervir diretamente na Diretoria Geral e de Obras do Daer.

Por daiane

Governador Tarso Genro recebeu documento de reivindicação das mãos de Rubino Rahmeier, um dos mais antigos moradores da VRS 482