Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio, 02 de Julho de 2020

O Alto Taquari

Jornal da Semana
Especial

Emater recomenda o plantio de frutíferas no início do inverno

, 26 de junho de 2020 às 9h35

Com o clima ameno e boa umidade no solo, a Emater/RS-Ascar recomenda o plantio de árvores frutíferas até a fase inicial do inverno. Nesta época, as plantas sofrem menos estresse para o início do enraizamento.

O técnico em agronomia, Elias de Marco reforça que a área do pomar já deve ser organizada, por meio do preparo do solo, adubação orgânica, incorporação de fibras (palha) e extração de vegetação indesejada. Devem ser providenciadas mudas em agropecuárias ou floriculturas. “Hoje não se indica mais a abertura de covas grandes, pois acabam trazendo comodidade excessiva às plantas e limitando o desenvolvimento da raiz em um único local.

O Ideal é um solo bem drenado e boa orientação solar, eliminando árvores com muita sombra”, explica. O custo médio por muda, varia entre R$ 10 e R$ 15, podendo ser mais elevado de acordo com a variedade. A distância entre plantas, varia de acordo com as espécies. Na implantação, o principal predador é a formiga.

Segundo Elias, é possível planejar um pomar que dê frutos durante as quatro estações do ano. Só em citros, dependendo da combinação das variedades, é possível colher frutos ao longo de nove meses. Para manter o pomar saudável é preciso fazer podas orientadas e controle de daninhas, como a erva de passarinho. Paralelamente ao cultivo de frutíferas, a Emater recomenda a introdução de hortas para a produção de outros alimentos, garantindo a segurança e soberania alimentar. “O ideal seria que famílias com áreas de terra ou pomares produzissem 72% dos alimentos que consomem. Além disso, convidar amigos para consumir e contemplar um pomar é uma atividade revigorante” destaca o técnico.

Espécies/Horas frio para superação da dormência das frutíferas

Pessegueiro: 100 a 1.250 (normalmente superior a 300 h)
Marmeleiro: 90 a 500
Cerejeira: 500 a 1.700
Ameixeira Europeia: 800 a 1.500
Ameixeira Japonesa: 100 a 1.500
Figueira: 90 a 350
Macieira: 200 a 1.700 (normalmente superior a 800)
Pereira: 200 a 1.400 (normalmente superior a 600)
Videira: 90 a 400 (normalmente superior a 200)

Espaçamento

A variação do espaçamento entre as frutíferas deve ser respeitado, pois as espécies têm necessidades diferentes.

Abacaxi: 0.4x 0.8m
Ameixa e Pêssego: 5x 4m
Banana: 3 x 3m
Caqui, Pera: 7x4m
Citrus: 6 x 3m
Figo: 2x 4m
Goiaba: 6x 5m
Maçã: 5x 4m
Kiwi: 5x5m
Uva: 2x 2,5m

Espécies, características e período do ano

Laranjeiras
Folha Murcha (suco e tardia): jan e fev.
Do Céu (sem acidez): mar e abr.
Bahia (umbigo cedo graúda): mai e jun.
Paulistana (sem semente, cedo, suco e in natura): mai, jun e jul.
Lanelate (umbigo sem semente): jul, ago, set, out.
Monteparnasto (umbigo, tardia e graúda): ago, set e out.
Valência (suco e tardia): set, out e nov
Bergamoteiras
Caí (média, acides, casca fina e solta): abr e mai.
Ponkan (sem acidez, casca grossa e solta): jun e jul.
Murcott (baixa acidez, casca fina e firme): ago e set.
Montenegrina (média acidez casca fina e solta): ago, set, out.

Limoeiros
Tahiti (bastante ácido e suculento): jan, fev, mar e abri.
Siciliano (aromático, casca média e pouca semente): abr, mar, maio, jun, jul e ago.
Limão Cravo (casca rugosa es solta, bastante semente): mar, abr, maio, jun, jul e ago.

Pessegueiros
Premier (polpa branca, caroço semi-aderente) 150h de frio, out.
Peach 1633 (polpa amarela, semi-aderente) 200 a 330h de frio, nov.
BR Kampai (Palpa branca, semiaderente 250h), nov.
Marli (polpa branca, semi-aderente 300h) dez.
Maciel (polpa amarela, aderente 300h) dez.
Dela Nona (polpa branca, solto 400h dez.
Chiripa (polpa branca, solto), 400/500h podridão: jan.
Frágil (polpa amarela, solta 500h) :jan

Ameixeiras
Methley (polpa vermelha, poliniza com a Santa Rosa): nov.
Santa Rosa (polpa amarela rosada, poliniza com a Meltley): dez.
Fortune (amarela rosada, poliniza com a Amarelinha e Reubenebell): dez.
Reubenebell (polpa amarela, poliniza com Amarelinha e Pluma Sete): jan.
Pluma 7 (polpa vermelha, poliniza com Amarelinha): jan.
Amarelinha (polpa amarela, poliniza com Reubenebell e Pluma Sete): fev.

Caquizeiro:
Kyoto (chocolate preto, consumir madura) março e abr.
Fuyu (chocolate branco sem tanino) abril e maio.

Figueiras:
Roxo de Valinas (grande, mesa/indústria, tolera poda drástica) dez, jan, fev e mar.
Negrinho (pequeno, sementes, consumo figada) jan e fev.
Pingo de Mel (branco casca fina consumo e doces) jan e fev.

Videiras
Niagara Rosa: dez e jan.
Niagara Branca: dez e jan.
Bordo: jan.
Concord (francês): jan.
Rainha Itália: jan e fez
Rubi: jan e fev

Limão Cravo pode ser colhido entre março e agosto

Por Alan Dick