Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio, 24 de Fevereiro de 2020

O Alto Taquari

Jornal da Semana
Natal

Jesus: O Filho de Deus

, 20 de dezembro de 2019 às 11h54

Peça, apresentada amanhã, será a principal
atração da programação natalina de Travesseiro

A programação natalina desenvolvida pela Administração Municipal de Travesseiro, através da secretaria da Educação, Cultura, Desporto e Turismo, realiza seu último evento neste sábado, dia 21, com a Noite de Natal em frente à Igreja Matriz. As atrações iniciam às 19 horas com o sorteio de prêmios das campanhas de incentivo ao comércio e agricultura promovidas pela Administração Municipal. Às 19h30min acontece a apresentação da Orquestra Municipal e às 20h, encenação teatral “Jesus: O Filho de Deus”, coordenado pela professora Alessandra Ames. A encenação terá como atores, os alunos das Escolas Municipais, pessoas da comunidade e atores convidados. A festa encerra com a chegada do Papai Noel e um show de fogos de artifício.

Sobre a peça

O elenco é composto por 24 atores amadores da comunidade travesseirense que demostraram interesse em participar da peça. Todos os anos são abertas inscrições através da Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Desporto e Turismo e, então, é escrito o roteiro especialmente para os interessados em participar. “As idades dos atores variam, já que temos desde bebês recém-nascidos, que representarão Jesus e João, até adolescentes e senhoras com quase oitenta anos. Esse aspecto torna o trabalho ainda mais interessante, pois desta forma, propicia-se além do acesso à arte teatral, a integração de diferentes gerações em prol de um objetivo comum: viver e preparar-se para o Natal. Isso ocorre de um modo diferente, resgatando a história que marcou profundamente o cristianismo e sensibilizando os envolvidos e espectadores para um período de vivência de fé e de amor”, comenta Alessandra.

A escolha dos personagens

Após as inscrições, iniciou-se a escrita do roteiro. Feito isso, passou-se à etapa das audições, para definição e distribuição dos personagens, ensaios e preparação cênica. Primeiramente os artistas foram preparados em pequenos grupos, de acordo com suas cenas e, após, foi realizada a junção das mesmas compondo a peça na sua integralidade. Os ensaios eram distribuídos semanalmente, de acordo com a necessidade de trabalhar os diversos grupos.

Figurino

Todos os figurinos utilizados na peça são de época e a confecção é de responsabilidade de pessoas residentes na comunidade travesseirense. Alessandra fala que um trabalho dessa magnitude não acontece de modo isolado e depende da ajuda e do empenho de todos os envolvidos. “Neste sentido, valorizar a mão de obra e os talentos locais torna-se fundamental para impulsionar e fortalecer o trabalho e a identidade de quem vive na cidade. A arte propicia isso na medida em que além de mobilizar e fortalecer patrimônio cultural artístico, também pode impulsionar o setor econômico, mesmo que mais timidamente, através da valorização dos profissionais e da mobilização do comércio através do turismo, já que boa parte dos espectadores vem de outras cidades”, avalia Alessandra.

Cenário

Ela explica que elementos e objetos cênicos são garimpados na comunidade. Os participantes do elenco colaboram com essa composição trazendo materiais de casa ou de conhecidos que, gentilmente, os cedem para a composição do cenário. Animais também são emprestados pelos munícipes para enriquecer o trabalho, o que o torna ainda mais significativo. “A construção do cenário também passa pelos artistas a exemplo do ator Maiquel, que constrói a casa do carpinteiro José”, explica.

Envolvimento de todos

Alessandra fala da expectativa e o sentimento de fazer parte e de estar à frente de um espetáculo que emociona e sensibiliza. “É uma responsabilidade muito grande e o sentimento é justamente de renovação de esperança e fé. Neste sentido, prefiro dizer que estamos à frente, todos juntos. Nosso objetivo não é fazer algo perfeito, mas construirmos uma história de grupo, que sensibilize o público e nos torne pessoas melhores. Trabalhamos respeitando nossas possibilidades e limitações, fazendo o nosso melhor”, explica.

Premiação diversificada

Vários prêmios serão sorteados amanhã à noite. A campanha voltada à agricultura intitulada “Travesseiro Produzindo Mais”, sorteará uma moto Honda CG, cinco vales de R$ 1 mil, 10 vales de R$ 500 e 10 vales de R$ 300. Já a campanha, “Travesseiro dá prêmios”, distribuirá 10 prêmios entre os participantes, sendo divididos da seguinte forma: 1º prêmio, um notebook; 2º prêmio, um ar-condicionado split; 3º prêmio, uma geladeira; 4º prêmio, um televisor; 5º prêmio, uma máquina de lavar roupas; 6º prêmio, uma bicicleta; 7º prêmio, um micro ondas; 8º prêmio, um forno elétrico; 9º prêmio, um edredom e 10º prêmio, uma jarra elétrica.

Os figurinos de época são confeccionados por pessoas da comunidade travesseirense

Por Alan Dick