Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio, 08 de Dezembro de 2019

O Alto Taquari

Jornal da Semana
Geral

Arroio do Meio perde uma mão amiga em Brasília

, 14 de novembro de 2019 às 16h45

Faleceu no início da manhã de terça-feira, em Brasília, a arroio-meense Rita Helena Pochmann Horn. A professora aposentada tinha 80 anos e lutava contra o câncer. Teve três filhos, Sílvio Carlos, Lia Cláudia, Ana Helena e ajudou a criar Marlene. Além dos filhos e netos, deixa enlutada a irmã Maria Suely Pochmann, que reside em Arroio do Meio e sobrinhos.

Há décadas ela morava na capital federal e era uma referência para conterrâneos que iam a Brasília, em especial prefeitos, vices e vereadores. Sempre recepcionava a todos com muito carinho e estava disposta a auxiliar no que fosse de seu alcance.

Rita era mais do que uma representante de Arroio do Meio no centro do poder brasileiro. Era uma mão amiga, uma interlocutora que ajudava a encurtar caminhos. Atuou no Ministério da Assistência Social e conhecia muito bem os programas que podiam beneficiar seus conterrâneos. Foi ela que incentivou o então prefeito Danilo Bruxel para que buscasse recursos federais para a construção da Escola Infantil do loteamento Glória. A escola foi inaugurada no início de 2004 e ganhou o nome de Professora Rita, em homenagem à sua dedicação. “Ela indicou para pedirmos o recurso, intermediou e acompanhou os trâmites. Era muito prestativa, conhecia muito do Governo Federal e ajudava a agilizar os processos. Ela foi fundamental para a construção da escola infantil e, em consideração ao que ela fez por nós, a creche leva seu nome”, afirma o ex-prefeito Danilo Bruxel.

Ele lembra que Rita esteve na inauguração e, sempre que vinha a Arroio do Meio visitava a Ecei. “Ela tinha muito orgulho do município dela e de poder ajudar. Sempre que íamos à casa dela, em Brasília, éramos muito bem recebidos. O que ela podia fazer para ajudar, ela fazia”. Bruxel conta que mesmo após deixar a política, continuou mantendo contato com Rita e sempre se felicitavam nos aniversários. “É uma perda e tanto. A Rita era uma pessoa especial. Criamos uma grande amizade”.

As palavras do ex-prefeito são endossadas pelo prefeito Klaus Werner Schnack. Nas idas a Brasília, ainda na época de vice-prefeito, diz que sempre era muito bem acolhido na casa de Rita. “Era uma pessoa especial, que sempre cuidou muito bem de assuntos que o município tratava em Brasília e nos ajudou no que podia. Principalmente pela ligação dela com o hoje ministro Osmar Terra, nas ações da assistência social, onde ela atuou por muitos anos e, nos demais pleitos, quando o município entendia que ela podia ajudar, ela nunca se negou”, observa Klaus.

O prefeito ressalta que Rita tinha muito orgulho de Arroio do Meio e defendia o município em Brasília perante órgãos e gestores. “Sempre apoiou todos os governantes que tiveram interlocução com ela”, observa. Lembra com carinho da hospitalidade e dedicação que dispensava a ele quando lhe visitava. “Fui muito bem acolhido na casa dela. Já jantei, tomei café e chimarrão com ela para podermos conversar. Sempre muito hospitaleira, dedicada, atenciosa, e dentro disso, a gente lamenta a perda. Como gestor e como amigo, fica o sentimento para as famílias Pochmann e Horn”.

A vice-prefeita Eluise Hammes também lamenta a perda. “A Rita era uma grande mulher, que se colocava à disposição para ajudar, acolher e orientar a todos os que iam até Brasília pelas mais diferentes causas. Seu conhecimento, sua sensibilidade e proatividade faziam com que tanto fosse admirada e reconhecida. Seu grandioso círculo de amizades e relacionamentos é prova disso. Fica a marca do seu sorriso, do seu jeito de mãe amorosa que tinha sempre lugar para mais um na sua casa e no seu coração”.

Na Ecei Professora Rita, a notícia do falecimento foi recebida com tristeza. A diretora Adriana Kunrath Hammes recorda que a professora Rita visitava a escola quando vinha a Arroio do Meio. “Lembro de uma vez que ela veio e ficou admirada e orgulhosa do trabalho e do crescimento. Vamos dar continuidade a este trabalho”, diz Adriana, observando que esta é uma forma de homenagear a professora, tão importante para a construção da escola, que fez e faz a diferença na vida de muitas famílias.

Por Alan Dick

O então prefeito Danilo Bruxel, com sua equipe, e Rita na inauguração da escola infantil do Glória, que leva seu nome - Ecei Professora Rita