Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio, 19 de Outubro de 2019

O Alto Taquari

Jornal da Semana
Municípios

Comunidade marques-souzense prestigia lançamento de plataforma inovadora na rede de ensino

, 17 de agosto de 2019 às 7h16

Centenas de pessoas, envolvendo pais, alunos, professores, representantes do poder público e comunidade em geral, prestigiaram o lançamento do Programa Aprende Brasil, da Editora Positivo, na rede municipal de Ensino de Marques de Souza. A solenidade, com entrega de apostilas e uniformes, ocorreu na sexta-feira, dia 9, nas dependências da União Centenária, no Centro. O investimento é de R$ 170 mil.
Na ocasião, a coordenadora pedagógica regional do Sistema de Ensino Aprende Brasil, Vanessa Zanoncini, apresentou detalhes da nova plataforma que entrou em funcionamento na segunda-feira, dia 12.
O novo sistema oferece um conjunto específico de tecnologias e recursos: livro didático integrado, assessoria pedagógica, aplicativos on-line e ferramentas de gestão e mensuração, para potencializar a qualidade do ensino e o engajamento individualizado dos alunos, garantindo uma aprendizagem progressiva, articulada e interdisciplinar. Além disso, possibilita ao gestor da escola, ao professor e aos familiares o acompanhamento do processo escolar, por meio de relatórios, com análises inteligentes sobre o desempenho de cada aluno ao longo de sua trajetória, bem como o desempenho das turmas, atingido as metas da Base Nacional Comum Curricular.
O Grupo Positivo tem mais de 47 anos de atuação. Nasceu nas escolas com professoras que queriam e conseguiram fazer educação diferenciada e hoje atende a Educação Infantil até universidades. O sistema operacional on-line nasceu em 2006. Na região Sul está presente em 1,5 mil escolas, envolvendo 14,1 mil professores, 240 mil alunos em 248 municípios.
Na Educação Infantil o destaque são os livros didáticos e abordagens que facilitam apreender a ler e escrever, contar histórias, além de livros em braile e imagens aplicadas para quem tem problemas de visão.
Em todas as séries gestores, professores, alunos e familiares poderão acompanhar a metodologia, ferramentas, reforço, desempeno, material didático, agendamento de atividades e eventos, por aplicativos e softwares, direcionados a cada público.
Conforme Vanessa, a comunidade escolar também precisa se conectar à era da tecnologia e informação, que permite otimizar a apreciação dos conteúdos e vivências escolares, permitindo que o aprendizado fique mais completo. As animações digitais, por exemplo, permitirão o aumento da compreensão em torno de determinadas explicações.
Os gestores, por sua vez, poderão acompanhar os resultados, identificar pontos a seres mantidos ou melhorados e adotar medidas. Haverá dados mais precisos sobre o desenvolvimento do aluno e as práticas internas nas escola, competências e qualidades, inclusive a adequação de professores ao estilo pedagógico exigido.
Além disso, haverá uma assessoria pedagógica permanente para treinamento e qualificação dos professores e gestores, que demandará do comprometimento de toda a comunidade escolar para a educação voltar a ser pauta na sociedade. “Precisamos voltar a aprender a aprender. A diferença será o carinho, amor e responsabilidade”, dimensiona.

HOMENAGEM E UNIFORMES

O coordenador da Secretaria da Educação, Cultura, Turismo e Desporto, Paulo Eurico Messias da Silva, evidenciou como o anúncio do programa está sendo importante para superar os desafios em torno da reestruturação da parte física da Escola Carlos Gomes, atingida por um vendaval e entre outros ajustes que vem sendo realizados em 2019 para melhorias mais contundentes nas próximas temporadas. Paulo também destacou a qualidade dos uniformes escolares, que contarão com abrigos, camisetas, bermudas para os meninos e shorts saias para as meninas. A equipe da Educação também aproveitou a ocasião para homenagear publicamente a estudante Franciele Taís Willig, que conquistou a medalha de ouro na Olimpíada Nacional de Matemática, sendo a melhor entre 18 milhões de estudantes entre 53 mil escolas públicas do país, com a participação apenas de 15 municípios com menos de cinco mil habitantes.

UM LEGADO PARA AS FUTURAS GERAÇÕES

Emocionado, o prefeito Edmilson Amauri Dörr, acompanhado por sua esposa Doralice, falou da alegria da Administração em oportunizar a evolução educacional à todas as crianças do município, melhorando significativamente as condições do ensino e aprendizagem das futuras gerações. “Apesar de não ter imponência física, talvez seja a maior obra deste ou que qualquer governo pudesse fazer. Será um divisor de águas, entretanto, apenas é uma forma da Administração Municipal retribuir o esforço das famílias. Pedimos a todos que cuidem bem do uniforme, livros e material didático. O investimento foi caro e veio das próprias famílias”.
Dörr também destacou a superação dos questionamentos devido a medidas impopulares adotadas no início do ano para readequações e melhorias na rede de ensino, para que juntamente com a nova plataforma tragam mais qualidade no atendimento e economia para o poder público e famílias. Entre outras novidades estão a ampliação gradativa do turno inverso, que a partir deste semestre já vai até o quarto ano. E a partir de 2020, todas as séries do 1º ao 9º ano terão aula regular no turno da manhã, otimizando o transporte escolar e refeitório. Para isso ser possível, o poder público realizou uma parceria com os cursos de Engenharia e Arquitetura da Univates, que desenvolveram um projeto para reestruturação dos espaços da Escola Carlos Gomes. Ao todo serão 12 salas de aula disponíveis.

Por daiane

Coordenadora pedagógica regional do Sistema de Ensino Aprende Brasil, Vanessa Zanoncini, apresentou detalhes da nova plataforma didática que visa atingir as metas da Base Nacional Curricular Comum