Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio, 20 de Agosto de 2019

O Alto Taquari

Jornal da Semana
Agricultura

Vendas de maquinário e implementos devem aquecer no segundo semestre

, 19 de julho de 2019 às 11h02

De janeiro a junho deste ano foram comercializados no Rio Grande do Sul 1.775 tratores e colheitadeiras, segundo dados da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores, (Amfavea). O mês campeão em vendas foi junho, com 517 unidades vendidas. Já a comercialização nos três estados do Sul, alcançou 5.121 unidades vendidas, tendo como pico de comercialização o mês de março com 965 unidades. O setor apresentou desempenho inferior na comparação com o primeiro semestre de 2018.
Para o segundo semestre, o clima de otimismo é grande por parte das concessionárias que esperam crescimento nas vendas em razão da liberação do Plano Safra, responsável pela maioria dos financiamentos para a compra de máquinas e implementos. O sócio proprietário da Agrovale Tratores e Implementos, Márcio Scherer, espera um crescimento nas vendas de aproximadamente 30% na comparação com o primeiro semestre deste ano. Lembra que o mercado aquece principalmente nos meses de agosto, setembro e outubro, quando inicia-se a preparação do solo para plantio. “Estamos apostando no segundo semestre, que deve ser bom”, avalia.
Trabalhando com equipamentos novos e usados de marcas conceituados do mercado, Márcio explica que a agricultura está em uma nova era. Diferente de alguns anos, a preferência é por equipamentos novos e de tecnologia avançada. “Vendemos alguma coisa usada. Porém, sai muito pouco. Os agricultores estão optando por qualidade e modernidade”, fala Márcio.

Por daiane