Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio, 13 de Outubro de 2019

O Alto Taquari

Jornal da Semana
Política

Petista defende criação de programa em apoio a produtores orgânicos

, 19 de julho de 2019 às 11h09

A sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Arroio do Meio, realizada quarta-feira, dia 17, foi tranquila. Os dois projetos de lei em pauta foram aprovados por unanimidade.
O primeiro alterou o zoneamento da Rua Dom Pedro II entre a ERS-130 até o encontro com a rua Gustavo Wienandts, em ambos os lados, de Zona Industrial 1 para Zona Comercial. De acordo com a mensagem justificativa, trata-se da adequação da legislação vigente, visto que hoje a referida área tem seu zoneamento definido como Zona Industrial 1 e Residencial. A alteração proposta vai ao encontro do uso racional dos lotes ali criados. Ainda, o assunto foi discutido pelo Conselho do Plano Diretor de Arroio do Meio (Copladam), com parecer favorável. O vereador José Elton Lorscheiter, o Pantera (PP), agradeceu a Administração pela retificação do projeto. Ele relatou que os moradores estavam preocupados diante da redação anterior. A proposta foi aprovada por unanimidade.
A outra matéria, autoriza o Executivo a abrir um crédito suplementar no valor de R$ 1,145 milhão para contrapartida de operação de crédito firmado com a Caixa Econômica Federal, no âmbito do Avançar Cidades – Pró Transporte, destinados à pavimentação asfáltica das ruas Alagoas, Dona Rita, Esperança e outras.

AS ESQUINAS DA RUA MARECHAL FLORIANO PEIXOTO – Marcelo Schneider (MDB) pediu uma intervenção do Departamento de Trânsito e secretaria do Planejamento nas esquinas das ruas Júlio de Castilhos, Visconde do Rio Branco e Dr. João Carlos Machado com a Marechal Floriano Peixoto. Pediu estudo sobre uma possível mudança no sentido das ruas, ou uma sinalização diferente, algo para melhorar o cruzamento e diminuir os pequenos acidentes que ocorrem nesses pontos.

ACOSTAMENTO NA VRS-811 E ROÇADAS EM CANUDOS – Luís Both (MDB) voltou a cobrar obras de acostamento de Bela Vista a Rui Barbosa, na VRS-811, que são aguardadas há anos e beneficiarão grande parte da população. Disse que é um pedido de anos e solicita que a Administração analise a viabilidade de atender as pessoas que usam a referida via. O vereador ainda agradeceu a roçada na estrada de Canudos, que está sendo feita.

ESTACIONAMENTO EM APENAS UM LADO DA RUA PRESIDENTE VARGAS – José Elton Lorscheiter, o Pantera (PP) criticou a falta de eficiência do Programa Calçadas Para Todos, observando calçadas em péssimas condições ou inexistentes, cobrando a intervenção do poder público. Também reclamou precariedade da sinalização horizontal no asfalto da rua Presidente Vargas, seguindo por São Caetano, rua José Arnold, onde não se vê mais nada das demarcações. O legislador também pede que a Administração estude a possibilidade de limitar o estacionamento na rua Presidente Vargas em apenas um dos lados, como foi feito em Bela Vista, detalhando situações de fluxo conturbado nos horários de pico, além do risco de acidentes. Por último, pediu para que a secretaria de Obras dê uma olhada para os loteamentos Bergjohanh, Rameyer e Dona Rita, onde as ruas estão em péssimas condições. Diz que há “crateras” e valetas.

A EXPANSÃO DO ROTATIVO E O RISCO DE PERDA DE EMENDAS – Sérgio Cardoso (DEM) sugeriu a expansão do estacionamento rotativo para o trecho que compreende a rua Dr. João Carlos Machado com a Marechal Floriano Peixoto. O democrata revela que naquele ponto pessoas deixam seus veículos o dia todo nos dois lados da via, dificultando a manobra de caminhões e ônibus. Cardoso também trouxe à tona, o risco de o município perder uma emenda de R$ 250 mil, para a rua Edgar Schneider no bairro São José, construção de calçada na rua Campos Sales, assim como melhorias nas proximidades do Sete de Setembro de São Caetano, pelo fato de que alguns moradores não querem recuar com a cerca que colocaram no lugar da rua. Cardoso pede a compreensão dessas pessoas, que pensem também nos outros.

PARADAS DE ÔNIBUS EM RUI BARBOSA E DONA RITA – Pedro Volmir de Freitas Noronha, o Kiko (PTB) agradeceu pelas lâmpadas novas colocadas em pontos que solicitou. Disse ainda que quer poder agradecer na próxima sessão quanto às paradas de ônibus que vêm pedindo para o Rui Barbosa e o Loteamento Popular, em Dona Rita, e em outros pontos. Da mesma forma, disse querer poder agradecer, numa próxima sessão, sobre seus pedidos de pinturas em ruas.

DESAPONTAMENTO COM ABANDONO DE METODOLOGIA – Roque Haas, o Rocha (PP) cobrou a repintura de faixas de segurança em frente às escolas públicas, já que é período de férias. Também elogiou a secretaria de Obras, pela base asfáltica feita na estrada de Picada Arroio do Meio, com as máquinas da prefeitura. Observou que muitas máquinas que faziam a manutenção das vias que estão sendo asfaltadas poderiam fazer a base de outros futuros asfaltamentos, multiplicando a eficiência, num efeito cascata. Ficou desapontado com fato dessa metodologia não ser adotada com o financiamento de R$ 5 milhões contratado recentemente.

PROGRAMA DE APOIO A PRODUTORES ORGÂNICOS – Paulo Grassi (PT) cumprimentou o Grupo Frohsinn, de Forqueta, pelos 30 anos de atividades, envolvendo 120 integrantes, com trabalho de valorização do folclore alemão. Salientou ser uma atividade saudável, que envolve todas as idades. Convidou a todos para a comemoração no sábado, dia 20. Também fez pedido para a secretaria de Agricultura: que estude a viabilidade de um programa de apoio aos produtores orgânicos do município e para as ações agroecológicas que são realizadas pela Emater e produtores. Diz que Arroio do Meio se destaca na produção orgânica, que é utilizada no Programa de Alimentação Escolar, no Programa de Aquisição de Alimentos e na Feira do Produtor. Grassi salienta que isso tem viabilizado o desenvolvimento agrário.

A VALORIZAÇÃO DA CULTURA ALEMÃ – A presidente Adiles Meyer (MDB) explicou para Pantera que, há dois meses, pediu um estudo que analisasse melhorias no estacionamento da rua Presidente Vargas, para beneficiar os transeuntes e empresas que utilizam o espaço. Garantiu que os pedidos de outros colegas, para que o rotativo seja ampliado para outras vias, será avaliado. Adiles também prestou homenagens ao Grupo Frohsinn, evidenciando a persistência, e a dedicação das famílias para que os filhos tenham vivências em grupo, em família e que conheçam outras regiões. A vereadora ainda falou sobre o dia 26, do Deustcher Abend, um evento anual, onde voluntários se dedicam para valorizar a cultura alemã. Por último, abordou a 2ª Feira Gastronômica, que ocorrerá no dia 28 de julho, a qual tem por objetivo fomentar os empreendedores locais.

Por daiane

Seis projetos deram entrada nas comissões de Constituição e Justiça e de Finanças e Orçamento e devem ser apreciados na próxima sessão ordinária, que ocorre 7 de agosto, às 18h30min