Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio, 05 de Dezembro de 2019

O Alto Taquari

Jornal da Semana
Geral

Presidente da Vale Log participa do 14º CBC, em Brasília

, 17 de maio de 2019 às 12h11

Oitenta cooperativas do Rio Grande do Sul, entre elas a Vale Log, participaram do 14° Congresso Brasileiro do Cooperativismo (CBC), que ocorreu em Brasília entre os dias 8 e 10 de maio. Ao todo, cerca de 1,5 mil pessoas participaram do evento, que também marcou a comemoração dos 50 anos da Organização das Cooperativas do Brasil (OCB). O presidente do Sescoop/RS, Vergilio Perius, conduziu a reunião prévia com os cooperativistas gaúchos presentes no evento, reforçando as diretrizes que a organização cooperativa gaúcha debateu em evento preparatório no dia 4 de abril, na Escoop.

Nos três dias de palestras e debates voltados ao cooperativismo foram abordados temas como: comunicação, governança e gestão, inovação, intercooperação, mercado e representação, culminando com definições de estratégias de atuação para o desenvolvimento das cooperativas, onde 186 propostas foram votadas por meio de aplicativo de celular.

No tema intercooperação, o presidente da Vale Log de Arroio do Meio, Adelar Steffler, apresentou a palestra “Fortalecer organizações como Sistema Ocergs-Sescoop/RS e Escoop, a fim de fomentar e influenciar os processos de Intercooperação”. Segundo ele, a prática consiste em fortalecer os laços entre as cooperativas com objetivo de gerar receita. “Prestam serviços mutuamente entre si e também realizam compras de insumos em grande escala de forma coletiva a exemplo de pneus e combustível, e, desta forma, conseguem melhores preços”, afirma.

Com oito mil associados, as cooperativas gaúchas do ramo de transporte cresceram 3,61% entre 2017 e 2018. A frota é de 6.833 veículos, afirma Adelar lembra que a Vale Log é a maior delas, com 196 associados e uma frota de 238 caminhões. Os planos são de crescer ainda mais. Filiais no Paraná e Goiás estão entre as metas para os próximos anos, onde áreas de terras já foram adquiridas. “Pretendemos abrir uma filial também no Mato Grosso do Sul”, revela.

Em uma visão ampla, Adelar afirma que essa é a maior crise do setor de transportes em 40 anos de profissão. Ações como a greve dos caminhoneiros dificultaram ainda mais a situação. Steffler só vê a retomada do crescimento após a aprovação do Marco Regulatório do Transporte, aprovado pela Câmara dos Deputados e que agora tramita no Senado. Ele estima que só haverá crescimento expressivo no setor, após a aprovação das reformas previdenciária, trabalhista e tributária.

Por daiane

Letícia Warken da Central Gaúcha das Cooperativas de Transporte do Rio Grande do Sul; Luis Gilmar Hoisler de Mattos presidente da Cotracel; Roberto Bresolin, presidente da Cotraibi e Adelar Steffler presidente da Vale Log