Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio, 15 de Setembro de 2019

O Alto Taquari

Jornal da Semana
Geral

Falta de sinalização preocupa moradores e motoristas

, 3 de maio de 2019 às 10h21

A pintura desgastada de faixas de segurança e quebra-molas está gerando reclamações por parte de pedestres e motoristas em Arroio do Meio. A maior crítica é com relação à falta da sinalização horizontal nas imediações de escolas. No entanto, o problema também pode ser identificado em diversos pontos do município.

No caso dos quebra-molas mal sinalizados, o principal risco são os danos no cárter dos automóveis e utilitários e a queda, nos casos de motociclistas. Placas pequenas, com pintura opaca na lateral das vias, é outra queixa dos motoristas, que muitas vezes são surpreendidos, especialmente nas noites com chuva, ou névoa, em que a visão fica comprometida.

Neste ano, o Departamento Municipal de Trânsito, apenas conseguiu fazer pinturas nas ruas principais do Centro e na imediação de instituições de ensino e saúde nos bairros Rui Barbosa, São Caetano e Aimoré.

Férias de servidores ou o deslocamento destes para cobrirem outros setores, dão perspectivas que os reparos na sinalização terão continuidade na segunda quinzena de maio. Contudo, de acordo com o coordenador Luiz Fermino de Freitas Soares, são necessários dois dias sem chuvas para melhor fixação da tinta de demarcação que tem como base o composto de metilmetacrilato.

Já a pintura em vias de domínio do Daer, como a ERS-482, a VRS-811 e a ERS-130, dependem unicamente de definições do governo do Estado que ainda segue em ritmo de transição. As demandas por sinalização vertical e horizontal, e redutores de velocidade, já foram reivindicadas pela comunidade e encaminhadas pela Administração à estatal.

Por daiane