Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio, 20 de Junho de 2019

O Alto Taquari - Esportes

Jornal da Semana
Futebol

Esperança-RB e Forquetense decidem título da Lafa

, 31 de maio de 2019 às 8h49

O público esportivo de Arroio do Meio espera por um domingo de tempo bom para a realização da rodada final do Campeonato Municipal de Futebol de Campo – 9ª Copa Sicredi/Girando Sol, promovido pela Liga Arroiomeense de Futebol Amador (Lafa). Esta rodada está agendada para domingo, dia 2 de junho no campo do Esperança de Rui Barbosa, onde será conhecido o campeão e o vice da categoria de titulares e os dois melhores na categoria de aspirantes. A disputa destas posições está com o Esperança-RB com aspirantes e titulares; o Forquetense nos titulares e o Cruzeiro de Linha 32 na categoria de aspirantes.

A rodada começa às 13 horas com a partida decisiva pela categoria de aspirantes reunindo as equipes do Esperança de Rui Barbosa e o Cruzeiro de Linha 32. Nesta partida, o Esperança por ter vencido por 1 x 0 a primeira final joga por um empate para ser campeão. O Cruzeiro, dirigido por André Rosenbach, precisa vencer pela diferença de um gol para levar a decisão para os pênaltis, ou por diferença de mais gols para ser campeão de forma direta.

Na segunda partida da tarde, às 15 horas, entram em campo Esperança e Forquetense para decidir o título de campeão da categoria de titulares. Diante do empate em 1 x 1 no primeiro jogo da final em Forqueta, as duas equipes jogam de igual para igual. Quem vencer será campeão. Um novo empate leva a decisão para os pênaltis, não havendo prorrogação.

 Estatística

Na categoria de aspirantes, o Esperança, comandado por Jaca Lindemann, disputou nove partidas no campeonato, conseguindo sete vitórias, um empate e uma derrota, tendo um aproveitamento de 81,48%. Jogando em seu gramado, onde realiza a final de domingo, o Esperança está invicto. Disputou quatro partidas com três vitórias e um empate com aproveitamento de 90,12%. A equipe de aspirantes do Cruzeiro, realizou nove partidas no campeonato com quatro vitórias, dois empates e três derrotas, atingindo aproveitamento de 51,85%. Fora de casa, o aproveitamento dos aspirantes do Cruzeiro chega a 60%.

Na categoria de titulares, com nove jogos disputados por cada equipe, a campanha dos dois finalistas é bastante idêntica. O Esperança conseguiu quatro vitórias, quatro empates e uma derrota com aproveitamento de 61,59%. Jogando em seu gramado, o Esperança somou uma vitória, dois empates e uma derrota com aproveitamento de 41,66%. Em todo campeonato o Esperança marcou 21 gols e sua defesa sofreu 14 gols. Tadeu Manini é seu principal goleador com sete gols.

O Forquetense ainda está invicto no campeonato. A equipe teve quatro vitórias e cinco empates com aproveitamento de 62,96%. Fora de casa a equipe disputou quatro partidas com duas vitórias e dois empates com aproveitamento de 66,66%. Seu ataque marcou 20 gols e a defesa sofreu 14 gols. Como principal goleador Augusto Brock marcou sete vezes.

 Histórico de títulos

No histórico de títulos na era da Lafa no futebol de Arroio do Meio, o Esperança fundado no dia 30 de abril de 1960, aparece com dois títulos conquistados, em 1996 quando o clube era presidido por Adelmo Roos e tinha como treinador Enio Noschang. Neste ano a final foi disputada com o Forquetense, com empate em 0 x 0 na primeira final em Forqueta e vitória do Esperança por 2 x 1 na decisão em Rui Barbosa. O segundo título foi conquistado em 1997, quando estava na presidência Roberto Träsel (in memorian) e o treinador era Astor Schmidt. A decisão foi com o União de Arroio Grande com empate nos dois primeiros jogos em Arroio Grande e em Rui Barbosa em 2 x 2, com destaque para um gol marcado pelo atual diretor Marcão Mallmann, no último minuto do segundo tempo, transferindo a decisão para uma terceira partida também no campo do Esperança, onde a equipe da casa venceu por 2 x 1.

O Forquetense, mesmo sendo fundado em 21 de abril de 1945, conquistou seu primeiro título em 1978. Dois anos depois, em 1980 o Forquetense conquistava seu segundo título numa época em que o clube possuía uma numerosa torcida fora de campo. Após um período sem títulos, o Forquetense voltou a erguer o troféu de campeão em 1993, com uma super equipe montada por Albano Stein, que na final levou vantagem sobre o Rui Barbosa. Outras conquistas aconteceram em 2008, 2012 e 2013.

Certames da Lafa

A Liga Arroiomeense de Futebol Amador (Lafa) que está em atividade desde 1966, realiza neste ano seu 49º campeonato. Até 2018, com 52 anos em funcionamento, a entidade teve 14 clubes campeões. O Sete de São Caetano conquistou o maior número de títulos em nove oportunidades (1967, 1968, 1970, 1971, 1972, 1975, 1979, 2015 e 2018). Depois aparecem com sete conquistas o Palmense (1969, 1985, 1987, 1989, 1990, 1994 e 2017) e o Rui Barbosa (1991, 1992, 1995, 1998, 1999, 2001 e 2004). Com seis títulos estão o Forquetense (1978, 1980, 1993, 2008, 2012 e 2013) e o Esperança de Dona Rita (1986, 1988, 2000, 2002, 2003 e 2014). O Sete de Capitão (1981, 1983 e 1984); Esperança de Rui Barbosa (1996 e 1997); São José de Palmas (1973 e 1974); Cruzeiro de Linha 32 (2005); Guarani de Arroio Grande (2009); Bola Cheia de Bela Vista (2010); Passo do Corvo (2011); Amigos (2016) e a Empresa Emec (1977).

Por daiane