Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio, 22 de Maio de 2018

O Alto Taquari

Jornal da Semana
Economia

Aumento do dólar impacta em todos os setores

, 8 de maio de 2018 às 15h39

A guerra na Síria e outros conflitos e divergências internacionais envolvendo potências mundiais como EUA, Rússia, países da Europa e China, fazem os investidores procurarem mais por moedas de ancoragem como o dólar, libras esterlinas e o ouro, o que aumenta sua cotação pela segurança.

No Brasil, que já tem a economia sensível por estar no terceiro mundo, a instabilidade política, institucional e econômica intensificam ainda mais a pressão cambial. O dólar que está em elevação há três meses, no momento está cotado na faixa dos R$ 3,50. A tendência é de que se mantenha estabilizado neste valor até o fim de 2019. Os investidores aguardam uma definição no cenário político, reformas tributárias e da previdência, transparência na legislação trabalhista.

De acordo com o secretário da Fazenda de Arroio do Meio, Márcio Zimmer, especialista em comércio exterior, o aumento do dólar vai impactar em todos os setores. O mais prejudicado será o consumidor final, que terá o poder de compra diminuído. É esperado um aumento do trigo, petróleo e derivados, combustíveis, soja e principais commodities.

Na prática vai beneficiar os exportadores de proteínas animais e vegetais (com exceção das aves devido ao embargo sanitário), do setor coureiro calçadista, entre outros, favorecendo a balança comercial. Embora alguns importadores estrangeiros busquem renegociar margens.

Já nossas indústrias que importam a matéria-prima, vão reajustar o custo de produção. Muitos vão aproveitar para especular e aumentar margens que já estavam reduzidas. E a importação do leite ficará inviável, beneficiando os produtores locais.

Os brasileiros também vão realizar menos intercâmbios e viajar menos para o exterior preferindo o turismo doméstico.

O diretor da Júlia Calçados, Paulo Weizenmann, avalia que a elevação da moeda, que é a principal referência para tomada de preços em negócios internacionais, melhora o patamar das negociações. Porém, ressalva que ainda é necessário esperar a tendência surtir efeito e ir em busca dos clientes. Além dos EUA, a Júlia Calçados tem negociado com grifes de países da América Latina, como Chile, Argentina, Uruguai e Paraguai. A especialidade da empresa é a fabricação de botas de couro femininas e sapatos.

PRINCIPAIS PRODUTOS EXPORTADOS

Enchidos e produtos semelhantes, de carne, de miudezas ou de sangue; preparações alimentícias à base de tais produtos

Produtos de confeitaria sem cacau (incluído o chocolate branco)

Preparações alimentícias não especificadas nem compreendidas noutras posições

Peptonas e seus derivados; outras matérias proteicas e seus derivados; pó de peles

Carnes e miudezas comestíveis, frescas, refrigeradas ou congeladas, das aves da posição 0105

Preparações para molhos e molhos preparados; condimentos e temperos compostos; farinha de mostarda e mostarda preparada

Agentes orgânicos de superfície (exceto sabões); preparações tensoativas, preparações para lavagem (incluídas as preparações auxiliares de lavagem) e preparações para lavagem, mesmo contendo sabão, exceto as da posição 3401

Chocolate e outras preparações alimentícias contendo cacau

Calçado com sola exterior de borracha, plástico, couro natural ou reconstituído e parte superior de couro natural

Agentes de apresto ou de acabamento, aceleradores de tingimento ou de fixação de matérias corantes e outros produtos e preparações (por exemplo: aprestos preparados e preparações mordentes) dos tipos utilizados na indústria têxtil, na indústria do papel,

Ácidos carboxílicos contendo funções oxigenadas suplementares e seus anidridos, halogenetos, peróxidos e peroxiácidos; seus derivados halogenados, sulfonados, nitrados ou nitrosados

Silicones, em formas primárias

Produtos à base de cereais, obtidos por expansão ou por torrefacção [por exemplo: flocos de milho (corn flakes); cereais (exceto milho) em grãos ou sob a forma de flocos ou de outros grãos trabalhados (com exceção da farinha, do grumo e da sêmola)

Inseticidas, rodenticidas, fungicidas, herbicidas, inibidores de germinação e reguladores de crescimento para plantas, desinfectantes e produtos semelhantes, apresentados em formas ou embalagens para venda a retalho ou como preparações ou ainda sob a for

Grãos de cereais trabalhados de outro modo (por exemplo: descascados, pelados, esmagados, em flocos, em pérolas, cortados ou partidos), com exclusão do arroz da posição 1006; germes de cereais, inteiros, esmagados, em flocos ou moídos.

Fonte: prefeitura de Arroio do Meio

PRINCIPAIS PRODUTOS IMPORTADOS POR EMPRESAS DE ARROIO DO MEIO EM 2017

Margarina; misturas ou preparações alimentícias de gorduras ou de óleos animais ou vegetais ou de fracções das diferentes gorduras ou óleos do presente capítulo, exceto as gorduras e óleos alimentícios, e respectivas fracções, da posição 1516

Sucos e extratos vegetais; matérias pécticas, pectinatos e pectatos; ágar-ágar e outros produtos mucilaginosos e espessantes derivados dos vegetais, mesmo modificados

Óleos essenciais (desterpenizados ou não), incluídos os chamados « concretos » ou « absolutos »; resinóides; oleorresinas de extracção; soluções concentradas de óleos essenciais em gorduras, em óleos fixos, em ceras ou em matérias análogas, obtidas por tr

Díodos, transístores e dispositivos semelhantes com semicondutores; dispositivos fotossensíveis semicondutores, incluídas as células fotovoltaicas, mesmo montadas em módulos ou em painéis; díodos emissores de luz; cristais piezoelétricos montados

Fosfinatos (hipofosfitos), fosfonatos (fosfitos) e fosfatos; polifosfatos, de constituição química definida ou não:

Compostos heterocíclicos exclusivamente de hetero-átomo (s) de oxigénio

Lacas corantes e suas preparações

Compostos aminados de funções oxigenadas

Motores e geradores, elétricos, exceto os grupos electrogéneos

Pimenta (do género Piper); pimentos dos géneros Capsicum ou Pimenta, secos ou triturados ou em pó

Ácidos carboxílicos contendo funções oxigenadas suplementares e seus anidridos, halogenetos, peróxidos e peroxiácidos; seus derivados halogenados, sulfonados, nitrados ou nitrosados

Açúcares quimicamente puros, exceto sacarose, lactose, maltose, glicose e frutose; seus éteres e ésteres e seus sais

Outros artefatos confeccionados, incluídos os moldes para vestuário

Hipocloritos; hipoclorito de cálcio comercial; cloritos; hipobromitos

Outras tintas e vernizes; pigmentos a água preparados, utilizados para acabamento de couros.

Fonte: prefeitura de Arroio do Meio

QUEM GANHA: balança comercial, empresas exportadoras, turismo doméstico e empresas voltadas ao comércio interno.

QUEM PERDE: consumidor final, empresas importadoras, quem tem viagem marcada ao exterior, e quem fez gastos com cartão de crédito no exterior.

EMPRESAS EXPORTADORAS DE ARROIO DO MEIO EM 2017

Minuano Alimentos, Bremil, Neugebauer, Júlia Calçados, Girando Sol, Aimoré Couros, Centralsul, Kananda e Serraff (Obs: muitas empresas locais exportam por agências de exportação devido a agilidade no tramite e menos burocracia e as operações não aparecem no nome delas)

EMPRESAS IMPORTADORAS: BRF, Neugebauer, Bremil, Girando Sol, Energia Própria, Centralsul, Mobilab, Aimoré Couros, Cosuel e Serraf

PRINCIPAIS DESTINOS DA EXPORTAÇÃO: Uruguai, África do Sul, Paraguai, Gana, Egito, Congo, Eslovênia, Armênia, Guiana, Cingapura e Estados Unidos

LOCAIS DE IMPORTAÇÃO: Uruguai, China, Indonésia, Índia, Peru, Alemanha, Itália, Argentina, Canadá e Taiwan (Formosa)

VALOR EXPORTADO EM 2017: US$ 25.200.657,00

ATÉ MARÇO DE 2018: US$ 5.526.780,00

VALOR IMPORTADO EM 2017: Em US$ 11.892.024,00

ATÉ MARÇO DE 2018: US$ 1.843.377,00

Fonte: prefeitura de Arroio do Meio

Por daiane