Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio, 24 de Fevereiro de 2020

O Alto Taquari

Jornal da Semana
Em Outras Palavras

Memórias da Praia Real

23 de fevereiro de 2018 às 6h00

Contei aqui, neste espaço na semana passada, sobre o Carnaval que passei com minha mulher na Praia Real, a 10km de Torres. Estivemos na aprazível companhia de amigos de infância, da Escola Luterana São Paulo e do Colégio São Miguel, das aulas de doutrina do pastor Victor Lehenbauer, dos jogos de futebol de salão – hoje futsal – na Praça Flores da Cunha e tantas outras façanhas de infância e adolescência. O QG foi a residência dos casais Enio/Carla Meneghini e Elio/Mara Meneghini.

Especialmente durante as rodas de canastra brotavam histórias, estórias e causos consagrados pela cultura oral, aquela que passa de boca em boca, contada por décadas e que até nossos filhos compartilham. Carla Meneghini e Magda Palaoro Buttini andavam indóceis pela casa ao longo do feriadão. Vira e mexe entoavam músicas que fizeram parte do inesquecível repertório dos Canarinhos do São Miguel.

Apesar dos insistentes pedidos dos companheiros de feriadão à beira mar, o tão esperado concerto dos cantores que marcaram época na cena artística de Arroio do Meio não aconteceu.

– Temos uma reputação a zelar e seria temerário uma exibição assim… sem ensaio ou qualquer preparação anterior! – bradava Magda a cada candente solicitação de pelo menos uma canção.

Temos um nome a zelar. Por isso, um show sem ensaio poderia comprometer a nossa reputação

Evitar um vexame entre amigos poderia manchar a trajetória dos Canarinhos. Afinal, aquele conjunto de talentos mirins desfilaram inclusive no programa Missa no Dez, atração das manhãs de domingo na então TV Difusora, canal 10, hoje Band TV, de Porto Alegre.

Nós, integrantes eternos dos Canarinhos, fomos colocados numa situação constrangedora. De um lado, o público sedento de ouvir o entoar de nossas vozes. De outro, a surpresa pelo inusitado pedido de exibição que não poderia ser concretizada sem um mínimo de preparo.

A decisão salomônica para satisfazer ambas as partes foi de que faríamos ensaios ao longo do ano para brindar nossos fãs, talvez, no período de Páscoa, ou no final de semana da Boate de Garagem. Afinal, trata-se de um evento que reúne grande parte da nossa “geração paz e amor” oriunda da Escola Luterana São Paulo e do Colégio São Miguel.

Por daiane