Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio, 08 de Dezembro de 2019

O Alto Taquari

Jornal da Semana
Educação

Projeto reforça a importância da comunidade na educação

, 18 de outubro de 2017 às 8h26

Na presença de autoridades, diretoras das Eceis, Emefs e representantes da comunidade, foi apresentado na manhã de quarta-feira, nas dependências da secretaria de Educação, o projeto Escola, Comunidade e Família: por uma educação que valorize a vida.

A ação promovida pela Administração Municipal de Arroio do Meio em parceria com a secretaria de Educação, tem como principal objetivo trazer a comunidade para o contexto das escolas, fazendo que o educandário se sinta inserido na comunidade. O projeto é uma ampliação da ação realizada nas gestões anteriores, que unia escolas e famílias em prol da educação.

O projeto educacional que será trabalhado de forma mais enfática ao longo do ano letivo nas escolas do município, entende que a escola, a comunidade e a família possuem papel fundamental e o compromisso na promoção de vivências positivas para com os estudantes. “Defendemos que o futuro do nosso município e da nossa população está diretamente ligado às experiências de aprendizagens que proporcionamos às crianças e aos adolescentes”, frisa a secretária de Educação, Mara Betina Forneck.

Para reforçar a importância que a educação tem na comunidade e na vida das pessoas, os convidados, representando vários segmentos da comunidade, deram um breve depoimento em relação ao tema. A empresária e ex-professora Liselena Bersch Neumann acredita no trabalho da educação, pois recebe em sua empresa jovens a partir dos 16 anos que buscam sua primeira oportunidade de emprego. “É nesse momento que a gente vê todo o trabalho realizado por parte das escolas e dos professores na vida desse jovem. Nosso objetivo é dar continuidade a este trabalho, contribuindo ainda mais para a sua formação”.

Márcia Ferrari, da Agroecologia Ferrari de Forqueta, destacou a parceria da Escola Arlindo Back em diversos projetos que beneficiem a comunidade local. “A escola envolve os moradores em pesquisas científicas, sem esquecer das inúmeras iniciativas que partiram do educandário, entre elas a concretização do roteiro turístico Caminhos da Forqueta”.

Representando a comunidade de Arroio Grande, o presidente do STR de Arroio do Meio, Astor Klaus, lembrou que anos atrás a educação tirou o jovem da agricultura, mas que hoje este retorno está sendo compensado com os ensinamentos obtidos. “A agricultura está sendo valorizada, e a importância disso para a população precisa ser levado para as escolas”.

Pela comunidade de Palmas falou a presidente do CPM da Escola Itororó, Angela Wilsmann. “A educação deveria vir da família, mas muitas vezes ela não vem. As crianças passam praticamente o dia todo na escola, o que faz com que o educandário faça muito além do seu dever pela educação dos alunos”. A professora aposentada Lourdes Zanatta Both destacou o trabalho da escola como formadora de opinião, afirmando que muitas vezes ela também faz seu papel de pai e mãe. “Tenho orgulho de todo o trabalho realizado em sala de aula, e peço que os professores continuem sendo essa força viva da comunidade”.

O prefeito Klaus Werner Schnack afirmou que todas as pessoas desde pequenas acompanham a evolução das comunidades em que vivem. “A essência da alfabetização está nas comunidades, afinal, a maior parte do tempo de uma criança está nas mãos da escola. As relações pessoas devem ser lapidadas de várias maneiras pelas pessoas e a educação tem um papel fundamental nisso”.

Secretária de Educação na gestão anterior, a vice-prefeita Eluise Hammes afirmou que o projeto só vem engrandecer o trabalho e as ações realizadas envolvendo a união das escolas e das famílias. “Como escola é preciso incentivar a buscar outras lideranças, indo além do seu muro, se tornando um agente social dentro da sua comunidade. Quando incluímos a comunidade, ampliamos o projeto, fortalecendo a localidade em que cada educandário está inserido”.

Por daiane