Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio, 26 de Setembro de 2020

O Alto Taquari

Jornal da Semana
Geral

Palestrante diz que é preciso reconhecer as responsabilidades e não terceirizar o problema

, 29 de outubro de 2016 às 9h30

Arroio do Meio – A Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) do município realizou na quarta-feira a 44ª edição do Café.com Saboreando Companheirismo e Conhecimento. O evento que aconteceu no salão térreo do Salão Paroquial finaliza a programação de 45 anos da CDL.

Por uma hora e meia o trainer e franqueado Dale Carnegie, Henrique Kuhn falou sobre segredos do sucesso, comportamento e liderança, requisitos indispensáveis para alcançar êxito nas vendas. Segundo ele, o país vive um momento de instabilidade e mudança, por isso é necessária uma readequação no comportamento das pessoas.

O palestrante abordou a crise pela qual passa o país dizendo que agora é o momento de mudar e se reinventar. “Esse é o segredo do sucesso”, e complementa, “as empresas não vão à falência, quem quebra uma empresa é a cabeça do empresário”, observa.

Citou cinco propulsores que levam uma empresa ao sucesso: a autoconfiança; habilidade de interpretação, de comunicação, e de liderança; e controle de preocupações e do estresse. Na autoconfiança, primeiro requisito básico para obter sucesso é necessário que se estabeleça uma relação de confiança com o cliente. Citou trechos do livro de Dale Carnegie que enfatiza o relacionamento entre as pessoas e como fazer amigos.

A habilidade de interpretação e a comunicação são itens imprescindíveis para o sucesso no negócio. Explica que é preciso entender a necessidade da pessoa que procura o estabelecimento e o que ela realmente procura. “Não posso pensar só em mim e só em vender. Preciso entender o lado do outro. Essa mudança de comportamento é necessária. Mas tem gente que não tem capacidade de mudar”, revela.

A liderança é outro fator importante. Para o palestrante, o líder é aquele que é a referência para os demais e, justamente por isso, é observado todo o tempo. Por isso a importância de ter atitudes corretas, pois elas vão ser seguidas. “Um líder é referência no trabalho, em casa e na rua”, explica.

Saber lidar com o emocional é outro ponto a ser levado em consideração. As frustrações do dia a dia e situações adversas que acontecem com frequência, devem ser resolvidas e encaradas com maturidade e naturalidade. Para isso é preciso chamar a responsabilidade para si próprio. “O problema não deve ser terceirizado. Colocar a culpa nos outros é típico de pessoas fracassadas”, observa.

Por daiane