Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio, 17 de Outubro de 2019

O Alto Taquari - Cotidiano

Jornal da Semana
Cultura

Porque ler faz bem é o tema da CulturArte 2016

, 26 de agosto de 2016 às 9h17

Arroio do Meio – Tendo como enfoque a importância da leitura, foi lançada na terça-feira à noite mais uma edição da CulturArte e XXVI Feira do Livro, que ocorre de 05 a 09 de setembro. Realizada no Clube Esportivo Arroio do Meio, a solenidade de abertura contou com a presença de autoridades, diretoras das Eceis e das três redes de ensino, alunos e comunidade.

Com o slogan Porque ler faz bem, a temática deste ano foi escolhida em conjunto com as diretoras das escolas, e conduzirá todas as ações da CulturArte 2016. Responsável pela secretaria de Educação e Cultura, Naiara Tres, frisou que organizar o evento “sempre é motivo de muito entusiasmo, alegria, esforço coletivo e muitas parcerias. Organizamos um momento onde os diversos segmentos da comunidade pudessem estar presentes”.

O momento de sensibilização teve continuidade com a presença da família de Dolores Fuhr, que juntamente com sua filha e netas fizeram a leitura de um texto, mostrando a leitura na vida das pessoas, passando de geração em geração os valores, as experiências e os sentimentos. Após este momento, foi apresentado aos convidados as atividades da CulturArte 2016.

A primeira ação foi concretizada na noite, com a entrega de 25 caixas de leitura do projeto Porque ler faz bem, iniciativa da Biblioteca Pública Municipal, que serão apadrinhadas pelas três redes de ensino e Eceis. Na ocasião, cada uma dessas caixas foi entregue a um representante da comunidade, em nome de seus estabelecimentos comerciais ou entidades, pela diretora da escola do bairro. “A partir de hoje o município conta com mais 25 pontos de leitura, oferecendo para a comunidade a possibilidade de contato com o mundo mágico da leitura”, ressaltou Naiara.

Mas, porque ler faz bem?

A temática do evento foi abordada pela professora e escritora Ivete Kist que respondeu aos convidados a pergunta Mas, porque ler faz bem? Através de citações e poemas, Ivete afirmou que a leitura é a atividade mais complexa e exigente que existe, pois necessita de mobilização e concentração por parte de quem pratica esse hábito. “A leitura tem o poder de prevenir doenças, e o melhor de tudo é que ela pode ser realizada independente do local em que se está. Se pode ler sem energia elétrica, com uma vela e até mesmo na prisão. Além disso, podem ser utilizados os serviços de empréstimo da biblioteca pública ou até mesmo de um amigo”. A professora frisou ainda que as pessoas não são inteligentes, mas que ficam inteligentes com a leitura. “Quem sabe mais, oferece mais para o seu grupo”.

O prefeito em exercício, Áurio Scherer, ressaltou que a Feira do Livro é uma marca de Arroio do Meio. “O município já respira mais uma CulturArte e nos dias da feira crescerá, acolhendo bem os seus visitantes”. Com votos de sucesso ao evento, encerrou dizendo que “a leitura ajuda a saciar a fome do conhecimento”.

Algumas ações da CulturArte já estão em andamento nas escolas municipais com o projeto Leitura em Movimento. Ações literárias já movimentam os bairros do município, levando à comunidade o gosto pela leitura e o convite para a visitação na Feira do Livro. A programação conta ainda com o Salão Estudantil de Arte, Palco de Talentos, Programação Especial no dia 07 de setembro, Conhecendo a Casa do Museu, Projeto Centro Cultural Sesi e o Escritor Presente, com a participação dos escritores Mônika Papescu e Alexandre Brito.

Por daiane