Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio, 16 de Julho de 2020

O Alto Taquari

Jornal da Semana
Educação

Hortas escolares incentivam a alimentação saudável

, 29 de setembro de 2013 às 10h00

Arroio do Meio – Além das disciplinas convencionais ensinadas em sala de aula, plantar e colher verduras e legumes na horta também se tornaram atividades dos alunos das escolas de Arroio do Meio. A ação faz parte do projeto Reeducação Alimentar: combatendo a obesidade infantil, e se soma a outras ações realizadas pela administração municipal, em busca da qualidade dos alimentos oferecidos às 13 escolas municipais de ensino fundamental (Emefs) e oito escolas comunitárias de educação infantil (Eceis). Desde 2010, a base da alimentação escolar é proveniente da agricultura familiar.

Em visita realizada na última semana à Emef Itororó, em Palmas, a secretária de Educação Eluise Hammes e o prefeito Sidnei Eckert surpreenderam-se com a quantidade e a qualidade dos alimentos encontrados na horta mantida pelos professores e alunos da escola que participa do Programa Escola da Terra. De acordo com a diretora da escola, Arilene Korte Wilsmann, a horta é mantida há dois anos e contém cerca de dez variedades de verduras e legumes. “Todos os alimentos aqui produzidos são consumidos na alimentação dos nossos alunos”, afirma.

A aluna do 4º ano, Sabrina Rahmeier, 10, não escondia a sua alegria ao se deslocar da sala de aula para a horta, junto aos seus colegas. No local, a turma realizou o plantio de mudas de alface e beterraba. “Acho muito importante ter uma horta para manter uma alimentação saudável”, afirma a garota que, além de cuidar da horta escolar, também auxilia a mãe na manutenção da horta de casa.

Além das hortas escolares, outras ações de reeducação alimentar são realizadas nas escolas, com o acompanhamento da nutricionista do município. Entre os destaques, a exclusão de frituras, diminuição do uso do sal e utilização de alimentos da agricultura familiar em todas as refeições, assim como treinamentos frequentes das merendeiras responsáveis pela alimentação escolar. Segundo a secretária Eluise, todas as escolas do município – Emefs e Eceis – possuem hortas escolares. “As hortas se constituem como mais um espaço de aprendizagem e conscientização sobre a importância de uma alimentação saudável”, reforça.

Por daiane