Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio, 25 de Janeiro de 2021

O Alto Taquari

Jornal da Semana
Educação

Feira do Livro: evento se consolida como o maior destinado à cultura do município

, 7 de setembro de 2013 às 9h30

Arroio do Meio – As 11h15min de ontem marcaram o encerramento da 23ª edição da Feira do Livro da cidade, finalizando também o maior evento cultural da cidade, o CulturArtchê. Foram três semanas com diversas atividades, reunindo alunos de todas as escolas do município – entre públicas e privada – e contribuindo para uma aproximação entre pais, crianças e educandários.

Se os dois primeiros dias de Feira do Livro contaram com um pouco de chuva, os dois últimos foram de clima agradável. “Com esse tempo, a nossa feira está bombando (sic)”, resumiu a coordenadora pedagógica da secretaria de Educação, Marlise Fuhr. A quinta-feira reservou as últimas visitas aos estandes, à apresentação da II Mostra Estudantil de Curtas Arroio-meenses (Meca) e a participação de Rosane Castro no projeto Escritor Presente.

O estudante do 2° ano do Ensino Médio da Escola Guararapes, Bruno Rangel de Quadros, 17 anos, considera a iniciativa importante para integração de escolas e alunos. “Conseguimos compartilhar os conhecimentos e descobrir gostos diferentes pelos livros”.

Vitor Augusto Caneppele, 17 anos, do 3° ano do Ensino Médio da Guararapes, revela que não é entusiasta da leitura, mas, mesmo assim, apoia os colegas e, às vezes, lê alguns livros. Ele também ressalta ter gostado das apresentações, em especial a dança gauchesca apresentada pelos alunos.

Integrante da CulturArtchê, pela segunda vez, a feira contemplou a tradição gaúcha. Com isso, um dos estandes de maior destaque foi o do CTG Querência de Arroio do Meio, promotor do projeto Mala de Garupa – uma biblioteca itinerante que visita as escolas, levando os livros à cavalo.

Na noite de quarta-feira, centenas de pessoas aproveitaram a noite para prestigiar a programação. As atividades foram até as 22h. Entre as atrações, teve o Palco Aberto de Talentos e o concurso Hora dos Talentos.

A coordenadora de Cultura e Turismo, Angélica Diefenthaler, agradeceu a presença de todos os presentes e dos parceiros que possibilitaram mais uma edição.

Muito mais que apenas um espaço para conhecimento literário, o evento se mostrou como uma forma de potencializar a cultura e também o desenvolvimento social, como quando apresentou peças teatrais e formou crianças em um projeto de educação no trânsito.

Abertura

Realizada na tarde de domingo, houve uma caminhada cívica saíndo da Área Coberta da SEC, com a participação dos alunos formandos do projeto de trânsito. O Trânsito para Todos foi implantado na cidade em uma parceria entre a Administração Municipal e a Brigada Militar.

Cerca de 300 crianças receberam o certificado, e agora servirão para multiplicar a importância de dirigir com consciência no trânsito e, assim, evitar acidentes e mortes. Para celebrar o momento, houve a encenação da peça O motorista maluco, da Brigada em Cena, de Santa Rosa.

Curtas e Talentos

Em três sessões, realizadas entre a quarta-feira e a manhã de ontem, os visitantes puderam conhecer a produção cinematográfica da cidade. O II Meca contou com a apresentação de seis películas, contando com cerca de 60 atores envolvidos.

Só na noite de quarta-feira, cerca de cem pessoas foram até o espaço destinado para prestigiar o Meca. A produção contou com o apoio de Marcus Staudt, da TV Univates.

A mostra recebeu visitas de cerca de 1,6 mil alunos e a comunidade. Também houve apresentações no Palco Aberto de Talentos, com 25 apresentações distribuídas nos cinco dias de evento. Foram, ao todo, 110 artistas mostrando o seu talento.

Concurso de Talentos

Outro programa foi integrado à Feira do Livro deste ano. O concurso Hora dos Talentos, realizou a etapa classificatória de Arroio do Meio na noite desta quarta-feira. Foram seis inscritos, divididos nas categorias Teatro, Dança e Circo, todos para a classe de Adultos.

Cada um teve seis minutos para fazer a apresentação. Chamaram a atenção alguns temas que debateram o êxodo rural, a colonização italiana, o jazz, a Jovem Guarda e quadros de mágica.

Todos foram classificados para a final e disputará o primeiro lugar na categoria adulto, que contempla o vencedor com R$ 15 mil. O concurso também premia o campeão da categoria infantil com R$ 5 mil.

As apresentações

Curto Arte – Teatro

Nairo Henrique Linck – Teatro

Os Novinhos – Dança

Lanuin Fritzen – Circo

Grupo de Dança Mara Rosa – Dança

Cia de Teatro Foice Acena – Teatro

Por daiane