Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio, 29 de Setembro de 2020

O Alto Taquari

Jornal da Semana
Geral

Comitiva vai a Porto Alegre reforçar pedido por duplicação

, 11 de janeiro de 2013 às 9h41

Vales do Taquari e do Rio Pardo – O governador em exercício Alexandre Postal recebe hoje, às 10h30min, no Palácio do Piratini em Porto Alegre, uma comitiva composta por líderes regionais. O encontro tratará o Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental (EVTEA) da duplicação das ERS-130/129 e RSC-453, no trajeto de 70,4 quilômetros entre Venâncio Aires e Muçum.

O novo secretário estadual de Infraestrutura e Logística (Seinfra), Caleb de Oliveira, e novo diretor do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem, Carlos Eduardo de Campos Vieira devem participar da reunião.

O grupo de pelos menos 12 representantes, entre prefeitos e presidentes de associações, dos municípios às margens da rodovia, deve ir à capital para o encontro. Segundo o presidente da Câmara de Indústria, Comércio e Serviços do Vale do Taquari (CIC-VT), Oreno Ardêmio Heineck, a audiência busca reafirmar o compromisso assumido pelos gestores anteriores quanto à obra. “Acredito que a troca dos comandantes não vai afetar a obra. Até porque o Tarso já se mostrou favorável. Mas, sempre é bom voltar e reforçar a solicitação.”

Até hoje, assinaram o convênio para fazer Relatório Técnico de Vistoria Ambiental (RTVA) e Estudo de Viabilidade Tecno-econômica e Ambiental (EVTA), que repassa de até R$ 12 mil para cada município: Muçum; Arroio do Meio; Cruzeiro do Sul e Venâncio Aires. Encantado que teve o projeto aprovado pelos vereadores está para assinar nesta semana. Lajeado e Mato Leitão estão encaminhando as propostas aos Legislativos.

O trabalho está sendo intermediado pela CIC–VT, que providenciará tomada de preços pública para contratar os respectivos estudos com a empresa vencedora. Após assinados, a meta é de que os estudos prévios sejam entregues a Secretaria de Infraestrutura e Logística (Seinfra) do Rio Grande do Sul em 90 dias, a fim de dar início ao processo de elaboração do Projeto Executivo da duplicação.

A mobilização

As manifestações inter-regionais pela duplicação das RSC 453, ERS 130, e ERS 129 – trajeto Venâncio Aires/ Muçum – começaram em outubro de 2011. Ao todo, são 70,3 km de extensão.

Em audiência no primeiro semestre de ano, foi solicitado ao então Secretário Estadual de Infraestrutura e Logística, deputado federal Beto Albuquerque, que o Estado inclua o trecho no programa de obras do governo. O secretário concordou com a reivindicação, pedindo à CIC-VT que conduzisse o processo junto à esfera governamental e oficiando à Associação dos Municípios do Vale do Taquari (Amvat) para que os municípios lindeiros viabilizassem a realização dos estudos prévios necessários (RTVA e EVTA), a fim de se ganhar tempo. Após, e com base neles, o Estado se encarregará da elaboração do projeto executivo da obra.

Por daiane