Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio, 23 de Julho de 2018

O Alto Taquari - Esportes

Jornal da Semana
Dupla Grenal

Grêmio vence e confirma vaga para a próxima fase

, 22 de março de 2012 às 9h43

A equipe de Vanderlei Luxemburgo garantiu a vaga para a segunda fase da Copa do Brasil após vencer por 3 x 1 a equipe do River Plate-SE, na noite de ontem. Com a classificação, o Grêmio aguarda as datas para enfrentar a equipe do Ipatinga-MG.

Jogando com um adversário sem tradição, o tricolor sentiu o peso de ter que vencer por uma boa diferença de gols, tanto que cometeu várias falhas de marcação que não se manifestaram em partidas anteriores. Aos 11 minutos, em decorrência de uma falha coletiva, o River Plate abriu o marcador com Lelê que ganhou de Victor e empurrou a bola para o fundo do gol: 1 x 0. Após o gol, Luxemburgo passou a dar instruções aos jogadores na medida em que se aproximavam da linha lateral. A reação veio em jogadas simples com cruzamentos para a área, momento de três boas oportunidades que pararam nas mãos do goleiro Pablo. A aflição dos torcedores gremistas se estendeu até os 34 minutos com Marcelo Moreno que teve dificuldades em empatar a partida, um gol que refletiu a insegurança da equipe tricolor.

O segundo tempo não foi muito diferente do primeiro. Luxemburgo aproveitou o intervalo para mexer no time, que pressionou, porém, essa pressão não se traduziu em chances claras de gol. Assim como na primeira etapa, a vantagem do Grêmio só foi confirmada com o cansaço da equipe sergipana. Aos 33 minutos, Gabriel marcou o segundo gol através de um chute cruzado e aos 39 minutos, em cobrança de falta, Léo Gago fez o gol do alívio: 3 x 1.

Dificuldades na altitude

O colorado jogando em La Paz, na Bolívia, não teve a mesma sorte que seu rival. Em jogo válido pela Taça Libertadores, o Inter enfrentou a equipe do The Strongest na altitude de 3,6 mil metros. Além da altitude, o desfalque de Oscar por causa do imbróglio jurídico na Justiça do Trabalho com o São Paulo, desafiaram o time de Dorival Júnior. E, Oscar fez falta, pois o Inter perdeu em chutes de fora da área e armação. O The Strongest nem parecia o mesmo time que foi goleado uma semana atrás no Beira Rio e, com o passar do jogo, se transformou numa equipe tão forte quanto o Inter. Quase no final do primeiro tempo, Damião teve uma boa oportunidade de marcar, porém o cabeceio foi salvo pelo zagueiro Torrico e por pouco o Inter não foi para o intervalo vencendo.

A reação boliviana se deu aos 27 segundos da etapa complementar com Ramallo que aproveitou a falha da zaga colorada para marcar: 1 x 0. O lado direito colorado ficou totalmente aberto, fato que fez com que as chances de gol do The Strongest se multiplicassem. Dorival Júnior resolveu mexer no time e mandou a campo Bolatti, Jajá e Gilberto. Aos 43 minutos, o jogo que parecia praticamente perdido, encerrou com alívio para os colorados. Jajá passou para Nei, que cruzou na área. Gilberto furou em bola no primeiro lance, mas acertou na segunda tentativa, empatando assim a partida na altitude de La Paz. Um gol que pode ter significado a classificação para a próxima fase.

 

Por daiane