Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio, 09 de Abril de 2020

O Alto Taquari - Cotidiano

Jornal da Semana
Social

No aguardo das sucessoras

Período para inscrições de candidatas à rainha do município encerra dia 18. A escolha da soberana e as princesas será dia 04 de dezembro, na Rua de Eventos

, 11 de novembro de 2011 às 10h08

Arroio do Meio escolhe no dia 4 de dezembro as novas soberanas que irão representar o município. A atual corte arroio-meense escolhida em setembro de 2009 é formada pela rainha Daiana Carolina da Silva, 21 anos, e princesas Júlia Sebastiany Alves, 17 anos, e Fernanda Crone, 22 anos. Em entrevista ao AT, elas falam da experiência em representar o município e as oportunidades conquistadas com o título.

As inscrições, segundo as meninas, foram feitas por livre e espontânea vontade, contando com o incentivo da família e dos amigos e, claro, com o mesmo sonho de ser soberana do município. No total, 22 meninas concorreram ao título de Rainha do Município de Arroio do Meio. Antes de enfrentar a passarela, as candidatas passaram por dois testes: um teste cultural envolvendo 30 questões de conhecimento específicos do município como história, gastronomia, pontos turísticos, e um segundo, que teve como objetivo avaliar a oratória e a expressão verbal de cada uma. “A hora mais tensa do concurso é o momento de subir na passarela, com várias pessoas te olhando bate um nervosismo”, lembra Daiana. “Nessa hora a gente fica se perguntando ‘será que estou fazendo tudo certo? Não esqueci de nada?’”, diz Júlia. A 2ª princesa Fernanda, afirma que na hora do desfile bate uma insegurança. “A hora do resultado foi a mais tensa, estava muito nervosa”, conta.

O trio de soberanas afirma que nunca imaginava ficar entre as três vencedoras. “Esse foi o primeiro concurso que participei. Foi uma surpresa muito grande, nunca pensei ser rainha”, conta Daiana. Para Júlia, o título de 1ª princesa também foi uma surpresa. “Quando a gente participava dos eventos reunindo todas as candidatas, se percebeu que todas eram bonitas e com chances de vencer”. Fernanda também não imaginava ficar entre as três finalistas. “Éramos em 22 meninas, e todas nós tínhamos condições de representar o nosso município”, enfatiza. Nestes dois anos representando Arroio do Meio, Daiana, Júlia e Fernanda ressaltam que foi uma experiência muito satisfatória, pois o título deu a elas uma visibilidade maior. “Conhecemos melhor a cultura do município e outros lugares, além de participar de outros eventos”, comenta a rainha Daiana. “Além de realizar um sonho, pude levar a história e a cultura de Arroio do Meio por todos os lugares onde passei. O título agregou mais conhecimento sobre o município, além de me sentir honrada em fazer parte da história de Arroio do Meio”, frisa Fernanda.

“O título me deu uma visibilidade maior no município, as pessoas passam a te respeitar. Conhecer outros lugares e pessoas importantes foi uma oportunidade única”, diz Júlia. No dia 4 de dezembro, elas passam o cargo para suas sucessoras. E como dicas lembram que as meninas devem se inscrever independente de achar se vão ou não vencer. “É uma oportunidade única, você conhece pessoas que nunca pensou que fosse conhecer. Nessas horas você tem que agir naturalmente e não se importar com os outros. Tem que ser autêntica. O concurso revela que não é apenas a beleza que conta, e sim um conjunto de qualidades como inteligência, desenvoltura, entre outros”, confessa Júlia. Fernanda frisa que as meninas têm que acreditar no seu potencial. “Claro que todas querem ser rainha ou princesa do município, mas acho que as soberanas escolhidas devem conhecer bem a história de Arroio do Meio, desde a sua fundação até os dias atuais. É lógico que a beleza é fundamental, mas é todo o conjunto que impressiona as pessoas. O resto você vai conquistando com a sua simpatia, carisma e humildade”. “Penso que quando você vai concorrer a um concurso desses é necessário ter noção das responsabilidades que esse título te dá. Você tem que saber que está representando algo maior e que precisa se portar”, reforça Daiana.

Vitrine – “Nunca teria sido Rainha da Expovale sem ter sido Rainha de Arroio do Meio”. É com essa afirmação que a rainha Daiana da Silva descreve sua passagem como rainha da feira que ocorre a cada dois anos em Lajeado. No concurso realizado em março de 2010, a arroio-meense venceu 20 candidatas. “A Expovale é uma vitrine. Perdi a conta dos eventos que participei. Conheci muita gente importante, visitei outras feiras pelo Estado, fora os convites que tive que recusar em função do trabalho e dos estudos”. Para este concurso, ela destaca que estava mais calma, pois já sabia como agir, a única diferença foi que o público era bem maior do que quando foi eleita Rainha de Arroio do Meio. “A Expovale me abriu várias portas, além de obter uma visibilidade maior sobre vários assuntos. Uma delas é a ideia da rainha e as princesas promoverem eventos beneficentes no município, ajudando assim entidades que necessitam de algum tipo de auxílio”, enfatiza.

Quem pode participar

Garotas residentes em Arroio do Meio, com idade mínima de 15 anos completos até a data do evento, solteiras, sem filhos, com 6ª série concluída e sem registro de título anterior referente ao concurso. As inscrições podem ser feitas gratuitamente até 18 de novembro, na secretaria de Indústria, Comércio e Turismo, junto à prefeitura. Mais informações através do telefone (51) 3716-1166 ramal 304.

Documentos necessários para a inscrição

  • Cópia da carteira de identidade ou certidão de nascimento
  • Foto colorida tamanho postal
  • Cópia de comprovante de endereço
Por Jaqueline Manica