Jornal O Alto Taquari  .  Arroio do Meio, 15 de Dezembro de 2019

O Alto Taquari

Jornal da Semana
Agricultura

Prefeitura paga bonificação rural

, 18 de outubro de 2011 às 13h36

A Administração Municipal de Capitão programou para quinta-feira, dia 20 de outubro, a entrega do último lote de bonificações rurais de 2011. Com este grupo, serão 546 produtores beneficiados neste ano, que recebem um valor total de R$ 321.454,21. Este valor refere-se somente ao bônus calculado sobre as vendas registradas no talão durante o exercício de 2010. A solenidade de pagamento será às 13h30min na Câmara de Vereadores.

Um levantamento feito pela Administração Municipal dá conta de que a soma das bonificações pagas este ano com os demais subsídios concedidos pelo governo municipal deverá atingir mais de R$ 600 mil em subsídios diretos aos produtores rurais instalados no município, o que vem ao encontro das políticas de apoio dadas ao setor primário de Capitão, nos últimos anos.

Para este lote, o valor total de bonificações será de R$ 25.206,61, sendo beneficiados os produtores Alcindo L. Fachini, Aloísio Ziem, Amilton P. Dutra, Aventino Biasibetti, Carine Lorenzon, Deoclécio F. Fachini, Edo Lindner, Elias Liesenfeldt, Elmiro Fiegenbaum, Erci Franciosi, Gerson Gasparotto, Ivanice Aliati, Lair Kuhn, Luis Carlos dos Santos, Luiz H. Hennika, Magnor Genezini, Neiva M. Fachini, Noé Conde Costa, Paulo Cesar Scheidt, Raqueli G. Liesenfeldt, Roberto C. Fachini, Rosa Fachini Kuhn, Rudinei Gerhardt, Santina Tonezer, Valdir Vallerius, Vanderléia Bildhauer e Vandoir Bruxel.

Bonificações pendentes

O setor financeiro da prefeitura está solicitando aos produtores que ainda não fizeram a retirada do valor referente ao bônus de etapas anteriores para que o façam junto à prefeitura. O prazo para retirada destes valores se encerra no final do ano. Estão pendentes da retirada os produtores Edenilson Daltoé, Alberto Daltoé, Adele Kollet, Nelson Delazeri, Leonardo Camini, Kelli Cristine Wallerius, Joacir Salton, Eli Rosa da Silva, Alípio Blein e Acélio Boni.

Por Jaqueline Manica